Archive Tag:postura

Relatório de Voo #5

Achei estranho “perder” um dia da semana com o Relatório de Voo, hahaha, mas tão bonita a internet 

Fotos de agosto

Uhuhuh chegaram as fotos que tirei em agosto do Instagram :3

agosto

A importância da postura

Esse vídeo foi linkado no Lugar de Mulher mas fiquei tão impressionada que precisei replicar aqui. Mostra como mulheres são ensinadas a parecerem menos e como fingir ser seguro pode te ajudar a realmente parecer seguro, o que faz você de fato se sentir seguro.

HTTP Status

Quando você faz qualquer requisição no servidor, ele responde com um código. Por exemplo, se a página não foi encontrada ele mostra 404. Esse site fez uma coletânea dos status que o servidor pode passar. Com gatinhos.

https://http.cat/404

Planners

Sou VI CI A DA em elementos para organização, agenda e papelaria. Esse post do BuzzFeed me deixou MORTA.

planners

Depois disso entrei numa espiral de planners que durou HORAS e agora me sinto frustrada porque estou de TPM e não posso ter coisas bonitas :~

Um galho para se segurar na pororoca de chorume

Essa semana teve uma grande pororoca de chorume porque a ex-Pink-Vader explicou que o motivo para acabar o site foi, entre outras coisas, o machismo no meio nerd e nooOOooOOOsssa. No meio disso tudo teve UM podcast decente sobre o assunto e, apesar de ser de 2h+ de duração, vale muito a pena.

E foi isso 😀

 

E como não falar de trolls?

No meio da gripe suína e da polêmica chata da lei antifumo, prefiro falar do que tem bombado na minha vida: trollzisse.

Eu nunca fui muito de fóruns, então trolls nunca me encheram muito. Mas uso o Google Reader há uns dois anos eu acho, e mês passado ele deu uma melhorada (apesar de ainda não ser tão bom quanto ele poderia), principalmente quanto a compartilhar feeds. Agora, a gente compartilha e comenta.

Acho que foi graças ao Leon e ao Bruno que eu conheci boa parte dos meus compartilhadores, seguidores e, automaticamente, comentadores. Só que a galera é… chata. Não, chata é uma palavra errada. É uma galera polêmica que prefere comentar quando tem algo que discorda do que quando tem algo que concorda. Eu continuo seguindo porque não posso só andar com gente que pensa como eu. Isso me faria ver só um lado da vida.

Mesmo assim, haja paciência. Porque agora, sim, a trollzisse me irrita. Eu não sei quantas vezes tive de respirar fundo e apagar meu comentário para tentar ler de novo, com mais calma, um comentário que não tinha nada a ver, feito só pra reclamar, regado à mágoas pessoais e que não adicionam nada a ninguém, além de uma polêmica pobre e bem revoltadinha. É só pra deixar todo mundo com raiva. Tipo no item “Vermelho é cool” comentam “Que boxta de vermelho é esse?! Vermelho fede, vermelho é ruim, vermelho não serve pra nada”.


Pé na porta, soco na cara: o hino dos trolls, pelo Matanza.

Zoeira, encheção de saco com a minha fan-girlzisse com o Cardoso e realmente discordar de verdade dos assuntos se confundem nos comentários. Outro dia cansei e acusei a trollzisse, sendo meio troll ao mesmo tempo. Deu pano pra manga. Não contei pra vocês, mas uma insegurança minha nessa coisa de investir em pro-blogueiragem são os comentários negativos. Mandei um email pro Cardoso uma vez sobre isso. Li uns posts dele que me serviram de resposta.

Ninguém gosta do Cardoso, seja porque ele é inteligente, seguro e sabe disso, seja porque ele fala o que pensa e se defende. Como ele mesmo disse, fomos todos educados a sermos humildes a ponto de sermos otários, e se seguir essa linha, em 10 posts, alguns de vocês vão me odiar (e eu pensei em adicionar aqui um “não que eu seja tudo isso”, mas não vou). E eu não vou poder fazer nada.

Entenda que não é um “Não discorde de mim”. É óbvio que você pode discordar de mim, do Cardoso, de quem for. Ninguém aqui é Deus (menos @oCriador. RÁ!). Mas já que você vai discordar, pelo menos use uns argumentos decentes, seja educado e não cause a discórdia, e sim a concórdia. Discussões não foram feitas pras pessoas ficarem revoltadas, e sim para crescerem juntas e chegarem a algum lugar. Eu e o Pôlo, por exemplo, vira e mexe ficamos um tempo discordando de coisas e levantando argumentos, e é muito legal.

2012 vai ser o ano da guerra épica a là Senhor dos Anéis com Trolls versus Pro-Bloggers (e simpatizantes). E eu simpatizo. Beijo.

Talvez tenha fugido do foco, mas inegavelmente, a inspiração pro post foi:
http://www.tiosolid.com/mensagem-aos-probloggers/

http://www.passaralho.com/2009/08/nao-basta-ser-pequeno-tem-que-ser.html