Balanço do Beda

Eu ia fazer isso junto com o Blog Day mas achei melhor separar as coisas.

Acho que esse agosto foi o primeiro mês em muito, muito tempo (senão o primeiro mês de todos) que postei todos os dias aqui no Blog – e olha que estamos juntos desde 2006. Tivemos algumas estatísticas divertidas.

Durante o Beda foi publicado meu 800º post nesse blog. Para quem não sabe, esse foi meu quinto blog. Se não me engano, a ordem foi: Blig, Blogger, Weblog, UOL Blog e Zip.net. Aí fiz uma conta no wordpress.com e, quando finalmente peguei meu domínio e hospedagem, transferi os arquivos do wordpress para cá.

Aproveitei o Beda para achar e validar a nova identidade do blog. Não (apenas) quanto a layout, mas quanto às categorias, sobre postar todos os dias, quais posts fazem mais sucesso e, claro, quais gosto mais de escrever.

Postar todos os dias não fez tanta diferença assim nas visitas, principalmente porque a maior parte das minhas visitas diárias vem de dois posts: Removendo Piercing e Como meu corpo reagiu ao Prebictal. Ainda assim, teve um grande pico de visitas dia 13 de agosto quando implorei pra gente parar com isso de “normal”, o que fez a média de visitas ser a maior do ano até agora.

Alguns dos posts mais lidos de agosto. Em laranja, artigos publicados esse mês.
Alguns dos posts mais lidos de agosto. Em laranja, artigos publicados esse mês.

Como não tem publicidade no meu blog, não é a parte de visitas que importa: é eu me divertir fazendo, e disso não posso reclamar. É impressionante como eu gosto de falar, como sempre tem algo pra dizer. Ficar mais atenta à internet, juntar os links para o Relatório de Voo, agendar tudo, selecionar imagens favoritas… É gostoso voltar nessa rotina e tenho um diário de como é viver aqui em SC.

Outra coisa importante foi cuidar melhor do blog: as categorias são novas, achei o plugin perfeito de posts relacionados, o plugin de calendário de posts também ajudou bastante e aquilo de usar GIT com FTP mudou minha vida de desenvolvedora blogueira para sempre.

Postar de final de semana não foi muito legal, não. Os 8 posts extras não agregam muito, ninguém vê (de final de semana a visitação é sempre menor porque as pessoas estão vivendo) e cansa demais. Fazer cinco por semana é bem mais fácil do que sete. As temáticas, entretanto, são divertidas. Eu estava com um lugar do mundo real e o Relatório de Voo. Eles provavelmente serão mantidos.

Outra coisa que vou manter são as que vocês mais parecem ter gostado: as crônicas e as tretas. Os posts de tecnologia também tiveram bastante interação pelos nerd que são meus amigos no FB então essa minha veia SlackOverflow permanece também – mesmo porque adoro fazer essas coisas.

Então amanhã o Beda acaba, mas o Diário de Bordo continua tendo posts de segunda a sexta até eu cansar.

[wc_divider style=”solid” line=”single” margin_top=”” margin_bottom=””]

Perguntas que sempre respondo

É mesmo, você tem um blog? É sobre o quê?
É um blog pessoal que fala sobre programação, feminismo, lugares que visitei, tem umas crônicas com coisas que aconteceram na minha vida… É meio blog de raiz.

Por que você não coloca publicadade no site?
Porque não quero. Eu escrevo profissionalmente e não quero escrever profissionalmente aqui. Quero escrever do que eu quiser, quando eu quiser. Quero falar mal das coisas e das pessoas. Quero que eu seja a única pessoa a agradar nesse processo. Quero me divertir e não fazer por obrigação. Quero que seja sem foco, do jeitinho que é. Não quero ficar ansiosa vendo relatórios de centavos ganhos. Não quero deixar meu emprego para viver de blog. Quero só brincar.

Você faz template de blog?
Sim. E ajudo a instalar, customizar, tiro dúvidas, etc. Nem sempre tenho tempo para pegar projeto grande, mas qualquer coisa manda um e-mail para marta.preuss@gmail.com.

Como faço para ter muitas visitas?
Não sei. Acho que se você quer muitas visitas, pode abrir sua casa, botar uma plaquinha “visitas são bem vindas”. Se você gosta de escrever, aí sim recomendo fazer um blog. Mas o Rotaroots me apresentou vários blogs legais e vamos criando essa corrente de visitas e comentários nos blogs uns dos outros.

Eu deveria fazer um blog?
SIM.

Mas por onde eu começo?
Crie uma conta no tumblr, no blogger, no wordpress ou qualquer outro lugar e divirta-se 🙂

One comment

  1. Vou falar que deixei os temas que julguei mais chatos pro fds, e eles tiveram boa aceitação. Não entendi nada hahahaha.
    Mas estou aqui de ressaca do BEDA, não consigo escrever nada, não sai nem top 10, tá feio =(
    Ainda assim, gostei muito de tentar – e conseguir. E sua ajuda foi fundamental. Obrigada pela paciência comigo nesse mês =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *